terça-feira, 8 de junho de 2010

Maria

Foi dia da primeira comunhão!
A alegria paira nas faces de todas aquelas crianças.
A igreja da vila encheu-se. Não só de pessoas, mas também de alegria, de esperança.
Porque a vida é algo de muito forte.
A vida deveria ser sempre sinónimo de felicidade.
E felicidade é algo de muito forte que corre nas faces de Maria.
Como que a dizer: eu existo, estou aqui, sou uma criança e por isso quero e sou feliz.

Sem comentários:

Enviar um comentário