sábado, 19 de junho de 2010

Tempos da floresta

Um almoço na Herdade dos Fidalgos, em 1982.
No longo caminho da vida, vão ficando recordações bonitas. De sitios, de momentos e, sobretudo, de pessoas.
O Jacinto Paulo, um guarda florestal e o Granchinho de Moura.
Este último um grande amigo, na sequência dos que me foram destinados para me orientar e ensinar a construir a minha vida e a minha forma de ser.

Sem comentários:

Enviar um comentário