quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Tita

Quem visitou a Roça de S. João não pode esquecer o sorriso desta jovem.

Eu gostava de ser assim. Acordar manhã cedo e sorrir para mim mesmo. Ir para o trabalho e sorrir para os colegas. Chegar à noite e sorrir para a família e amigos.
Porque o sorriso mais não é que a alegria pela vida, o amor aos semelhantes. O gostar do nosso eu.

Sem comentários:

Enviar um comentário