segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Doce de cenoura


A experiência na doçaria continuou com um belo dum doce de cenoura. Ummmmm. Que bom que ficou.
2 kgs de cenoura; 2 paus de canela; 1,5 kgs de açucar; 100 g de miolo de amêndoa; duas laranjas (aproveitámos a casca de uma, cortadinha em pedacinhos e os gomos das duas); um pouquinho de baunilha.
Uma especialidade!

Doce de castanha


O mês de Novembro termina. Mas antes, um doce de castanha para adoçar as noites frias de inverno.
2Kgs de castanhas; 1,5 kg de açúcar; o,5 litros de água; raspa de 1 limão; 2 paus de canela, erva doce e um punhado de miolo de noz.
Não há como comer um doce para esquecer as agruras da vida.

domingo, 29 de novembro de 2009

Ninoca uma amiga do Flash


Uma amiga do Flash. Em sua memória.

O amigo Flash


Este blog não iniciava bem se não contemplasse o Flash. Um amigo de há anos, sempre inseparável. Um excelente companheiro nesta jornada da vida.

Rã no lago


Uma companheira do lago. Eram apenas duas. Recentemente outras vieram, bem pequeninas. Talvez na primavera apareçam.

Seara de trigo


Por entre os caminhos do Ribatejo, tantas vezes calcorreados, uma seara de trigo no esplendor da sua beleza.

Arrábida - 2000


O casario irregular do Convento da Arrábida enche os olhos e a alma.